Participa nas Assembleias de Freguesia da Charneca de Caparica !

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Próxima reunião da Assembleia de Freguesia --> dia 5 de Janeiro de 2011

Informo @s fregueses da Charneca de Caparica de que a reunião (continuação da reunião de ontem) será realizada no próximo dia 5 de Janeiro e não no dia 4 conforme tinha sido divulgado.

Iremos tratar dos seguintes pontos:

3.2 - Apresentação discussão e aprovação do Regulamento Geral e Sistema de Controlo Interno.

3.3 - Apresentação, discussão e Aprovação do Mapa de Pessoal e respectiva estrutura orgânica flexível.

3.4 - Ratificação do protocolo de Cooperação elaborado entre a Junta de Freguesia e o Município de Almada - SMAS.

3.5 - Apresentação, discussão e aprovação da Tabela de Taxas e Licenças para o ano de 2011.

3.6 - Apreciação do Relatório Trimestral e Informação da Situação financeira da Freguesia até 30.11.2010.

Participa!!!

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

A minha imaginação aos saltos...

O “Observatório Autárquico” nº 4 traz informações que puseram a minha imaginação aos saltos: são as três despesas da Câmara Municipal de Almada, em 2009:


1) Em Maio, o ajuste directo de relógios, no valor de 94 174,72Euros;

2) Também em Maio, o almoço do Dia Internacional da Mulher, no valor de

83 640,00 Euros;

3) 1400 almoços no Complexo Municipal dos Desportos.





Face à lei vigente, tudo legal. Porém, dá que pensar.



a) Primeira despesa

Puxei, puxei, puxei… pela cabeça e muitas hipóteses me surgiram. Até que cheguei à hipótese mais plausível. Esta despesa terá sido para oferta de prenda de Natal a alguns funcionários. (O leitor verá que se justifica tal discriminação).

Trata-se dos funcionários que não são das graças da senhora D. Maria Emília de Sousa ou de certas chefias, de todos os “sofredores” que na Câmara Municipal de Almada não se podem pirar. Lá irá um, com sorte, ou lutando muito por isso, talvez de longe a longe.

Ora os relógios seriam para toda esta gente que, “justificadamente”, chegará muitas vezes atrasada ao trabalho, tal é a sua boa disposição de para lá ir.

Contudo, pensando bem, como são tantos, parece-me que, apesar da quantia ser relevante, não chegará para a oferta de um relógio de jeito a todos.

Será que terão sido corridos sem relógio razoável, mas com uma simples cebola? Para os leitores jovens talvez seja importante esta informação: caiu em desuso, mas há umas décadas atrás era muito comum na linguagem familiar, brincalhona, chamar-se “cebola” a um relógio. Eu tive uma “cebola” que foi das melhores prendas que recebi na minha vida: uma embalagem muito grande dentro de outra, esta por sua vez ainda de outra ainda, e ainda a última, pequenina, que tinha lá dentro uma cebola de facto que, de tão bem tratada fora, durou mais de 20 anos. Escusado será falar do meu desgosto quando ela em qualquer andança desapareceu.

b) Segunda despesa

Imagino que lá estariam só mulheres, embora para meu gosto não seja o ideal. Isto deve vir-me da infância: já em criança sempre brincava com meninos e meninas . Não quer dizer que não reconheça um grande valor aos feminismos, à sua história, à sua acção. Nos anos 60 li a obra clássica de Simonne de Beauvoir, “O Segundo Sexo”, não traduzido então em português, suponho. Li um catarpácio (ou catrapácio) - escrevo assim porque parece que o vocábulo ainda não está dicionarizado - da Betty Friedan traduzido em português, daqueles livros que vão e não voltam; suponho que seria “A mística feminina”. (Ainda hoje a imagino com os seus engraçados chapéus!). E li ainda mais umas coisas…. Desde já devo dizer que não alinho na tese da Simonne, mas isso é problema meu. A conversa iria longe ... Ah, só mais um pormenor: tenho visto por entre as nossas feministas conhecidas algumas que são bem sacanas para outras mulheres. Grandes feministas! Adiante.

Vamos a contas, ou às contas que, essas sim, foi o que aqui me trouxe.

Admita-se que cada almoço custou 20 Euros. Teriam sido contempladas 4 182 mulheres. Menos de 20 Euros não seria certamente. Se cada almoço custasse apenas 10 Euros, tínhamos o dobro das mulheres contempladas, mas com um pobre repasto. (Veio-me agora à memória a pergunta de Paulo Portas, quando cabeça de lista à Assembleia Municipal de Arouca, em 2009, e aí, num almoço, perguntou: “Oh sr……….”, o que é que aqui se come por 10 Euros? Claro que a pergunta pode ter várias interpretações).

Penso que o tal almoço feminista deve ter sido no concelho de Almada.

E onde terá sido? Onde se enfiou tanta gente?

Terão sido só mulheres? Admitamos que sim. Por um lado, protesto, por não ter sido convidada, logo eu, que tanto gostava de ter almoçado com a senhora D. Maria Emília. É que, além da mensagem escrita que recebo todos os anos nesta data festiva, teria ouvido talvez um discurso que nunca mais acabaria, mas que me encheria a alma. Ou não terá discursado?

O mais importante é que não sei qual foi o critério dos convites feitos. Bom, não vou continuar a pôr hipóteses. Nunca mais terminaria.

Porém, surgiu-me uma ideia de despedida ao falar desta despesa. É a seguinte: deve ter-se bebido por lá algum verdelho, daquele que tive a sorte de beber, sim, não foi provar, há cerca de 30 anos, em casa de uma amiga. Só as duas, na cozinha, bebemos o resto de uma garrafa, e ainda era bastante. Sentíamo-nos no tempo dos czares, porque o vinho era de facto ainda desse tempo. Essas coisas que são apanágio da riqueza, porque usadas com grande frequência não serão tão apreciadas pelos que delas só usufruem uma ou poucas vezes na vida. O que se perde pela grande quantidade e contexto luxuoso, banalizado, é compensado pela pequena quantidade e contexto intimista, sobretudo se ainda se acrescentar o humor.

c) Terceira despesa

Vou ser breve. Não quero cansar o leitor. E não me quero cansar também. Não vou deixar voar a imaginação.

Contas feitas (à mão, não sou escrava da máquina de calcular), cada almoço teria custado 23,9 Euros, tendo, assim, sobejado 56 Euros.

Não é habitual o custo de um almoço ou jantar neste tipo de situação não ser apresentado em número redondo de Euros.

Há aqui uma certa originalidade.

A minha imaginação fervilhante põe tantas, tantas, hipóteses…

Por isso vou apenas enunciar uma delas, porque me parece bastante plausível:

1. Estiveram mesmo só 1 400 desportistas presentes no dito almoço;

2. Comeram tanto e tão bem, fazendo lembrar uma dieta de emagrecimento muito comum na qual se fez dieta durante seis dias, sendo o sétimo de desforra (não é bem assim), que tiveram de ir correr para o Parque da Paz, após uma longa digestão;

3. Tratando-se, em princípio, de jovens, não terá havido verdelho do tempo dos czares, como o outro, mas um vinho bem bom como, por exemplo, o Syriah, contribuindo, pois, para o desenvolvimento regional. Como à rapaziada do desporto são exigidos particulares cuidados dietéticos, nesse dia, excepcionalmente, cada um bebeu uma garrafa inteira. Foi mesmo a transgressão própria da festa.

E assim acabo a festa deste escrito.

Adeus até ao meu regresso.

PS - Ia-me esquecendo dos 56 Euros. Suponho que a senhora D. Maria Emília mandou comprar uns Kilos de arroz e foram enviados à Isabel Jonet.



Almerinda Teixeira

domingo, 19 de dezembro de 2010

Convocatória para a Sessão Ordinária de Dezembro da Assembleia de Freguesia da Charneca de Caparica

Informo os fregueses da Charneca de Caparica que recebi a seguinte convocatória:

"Nos termos do art." 13° da lei 169/99, de 18 de Setembro, com as alterações introduzidas
pela lei n° 5/2002, de 1 de Janeiro, convoco V. Exa. para a Sessão Ordinária de Dezembro da
Assembleia de Freguesia da Charneca de Caparica que se efectua nas instalações da Junta de
Freguesia, sita na rua Marco do Cabaço, no dia 27 de Dezembro de 2010, pelas 21,15 horas, e
dia 04 de Janeiro de 2011 pelas 21,15 horas, igualmente, com a seguinte Ordem de Trabalhos:

1- Período aberto ao Público

2- Período Antes da Ordem do Dia

3-Periodo da Ordem do Dia

3.1- Apresentação discussão e aprovação das grandes opções do Plano de Actividades e Orçamento para o ano de 2011.

3.2 - Apresentação discussão e aprovação do Regulamento Geral e Sistema de Controlo Interno.

3.3 - Apresentação, discussão e Aprovação do Mapa de Pessoal e respectiva estrutura orgânica flexível.

3.4 - Ratificação do protocolo de Cooperação elaborado entre a Junta de Freguesia e o Município de Almada - SMAS.

3.5 - Apresentação, discussão e aprovação da Tabela de Taxas e Licenças para o ano de 2011.

3.6 - Apreciação do Relatório Trimestral e Informação da Situação financeira da Freguesia até 30.11.2010.

Com os melhores cumprimentos

O Presidente da Assembleia de Freguesia
Miguel Duarte"

CONTO COM A VOSSA PARTICIPAÇÃO!
ATÉ AO PRÓXIMO DIA 27 DE DEZEMBRO
NAS INSTALAÇÕES DA JUNTA DE FREGUESIA (PRÓXIMAS AO MERCADO)

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Lar ilegal na Charneca da Caparica está a ser desocupado


9 de Dezembro, 2010
A proprietária do lar ilegal de idosos na Charneca da Caparica, em Almada, que foi encerrado pelo Instituto da Segurança Social na terça-feira disse hoje à agência Lusa que já está a desocupar o espaço.Maria de Fátima Machado afirmou que está, «desde ontem [quarta-feira], a desmontar todos os equipamentos que permitiam o funcionamento do lar» que acolhia 13 idosos e que foi encerrado pelas autoridades depois de aí terem ocorrido quatro mortes no espaço de 24 horas.
A proprietária disse ainda «estar a tentar encontrar soluções para arrumar todas as coisas» que ocupavam a vivenda alugada de dois andares: «Estou a cumprir as ordens que me foram dadas pelas Segurança Social».
Maria de Fátima Machado, que na quarta-feira abriu a casa aos jornalistas, disse estar «de consciência tranquila» e que «os quatro idosos falecidos tinham problemas de saúde».
Relativamente ao processo de encerramento da casa acrescentou que até ao momento «não recebeu ainda qualquer tipo de notificação por parte das autoridades».
Hoje o presidente do Instituto de Medicina Legal, Duarte Nuno Vieira, disse à Lusa que as autópsias realizadas aos quatro idosos - e que são a única forma de verificar se há responsabilidades criminais a apurar neste caso - «não evidenciaram nada de suspeito como causa de morte».
O responsável afirmou ainda que «o apuramento das causas de morte está agora dependente do resultado dos exames laboratoriais, que fazem parte dos procedimentos de rotina das autópsias».
Em declarações à agência Lusa, o presidente do Instituto da Segurança Social, Edmundo Martinho, garantiu que a residência em causa «já tinha sido notificada para encerramento voluntário».
Edmundo Martinho afirmou ainda que Maria de Fátima Machado «é reincidente»«Já tínhamos decretado o encerramento de outro espaço. Mas nesse caso [a proprietária] encerrou [-o] voluntariamente», disse.
Lusa / SOL

Autópsias a corpos encontrados no lar de idosos são inconclusivas

Inserido em 09-12-2010 10:16


O lar foi encerrado na sequência deste caso e a Polícia Judiciária está a acompanhar o caso. 


As conclusões preliminares das autópsias, que ontem começaram a ser feitas, aos idosos encontrados mortos num lar da Charneca da Caparica não evidenciaram nada de suspeito como causa de morte.


A informação foi confirmada à Renascença pelo presidente do Instituto de Medicina Legal. "As autópsias não terão revelado nada de suspeito, mas isto apenas do ponto macroscópico - que é visto olho nu. Mas há sempre procedimentos de rotina, que envolvem exames laboratoriais. Naturalmente que os peritos só terão certezas absolutas quando dispuserem dos resultados de todos esses exames complementares”, explica Duarte Nuno Vieira.


O presidente do Instituto de Medicina Legal considera, contudo, a situação “insólita”, porque “não é de facto habitual que numa instituição de acolhimento de idosos haja um número de falecimentos tão próximo no tempo. Mas também não podemos excluir, por completo, que uma situação de coincidência tenha eventualmente ocorrido”.


Na terça-feira, o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) foi chamado ao lar situado na Charneca da Caparica, em Almada, para socorrer uma idosa em paragem cardio-respiratória, tendo encontrado no local três corpos.


O lar foi encerrado na sequência deste caso e a Polícia Judiciária está a acompanhar o caso.


O Instituto da Segurança Social já tinha notificado para encerramento voluntário a residência de idosos que funcionava ilegalmente na Charneca de Caparica.

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Marinho Pinto reeleito com maioria absoluta


Recordando :


Marinho e Pinto envia missiva de união aos advogados
22-Nov-2010
Recandidato a bastonário da Ordem dos Advogados dirige duas missivas, uma aos votantes do Norte, outra aos da comarca de Lisboa.

Aos colegas de Lisboa
Caro(a) Colega
É já na próxima 6ª feira que se vão realizar as eleições para os titulares dos vários órgãos da nossa Ordem. Por isso, venho alertá-lo para que o seu voto não permita o que sucedeu há três anos. Venho pedir-lhe que vote em coerência no projecto da Lista C para Bastonário/Conselho Geral e Conselho Distrital de Lisboa (Dr. Jerónimo Martins) mas também na Lista P para o Conselho Superior e Lista O para o Conselho de Deontologia de Lisboa.
É necessário eleger para os órgãos distritais pessoas que sejam institucionalmente solidárias com os órgãos nacionais escolhidos democraticamente pelos Advogados portugueses e não pessoas que estejam empenhadas em sabotar a acção de outros órgãos e em impedir o Bastonário eleito de realizar o programa sufragado nas eleições. É necessário que à frente do CDL estejam pessoas que aceitem os resultados eleitorais e não que tentem derrubar o Bastonário democraticamente escolhido pelos Advogados Portugueses.
É necessário que no Conselho Distrital de Lisboa estejam pessoas que, em conjunto com o Bastonário e o Conselho Geral, defendam os interesses dos Advogados e lutem contra a desjudicialização da justiça e não pessoas que estejam mais interessadas em agradar publicamente aos magistrados.
É necessário que à frente do CDL estejam pessoas que ajudem o Bastonário e o CG a lutarem contra a massificação da Advocacia e não que boicotem essa luta devido aos interesses instalados em torno da formação. Enfim, pessoas preocupadas com os problemas e as dificuldades de todos os Advogados e não apenas com os interesses dos grandes escritórios.
Apelo sobretudo aos jovens Advogados de Lisboa para a necessidade de defender as reformas efectuadas no sistema de apoio judiciário, nomeadamente, que as nomeações de Advogados sejam efectuadas pela OA e não por magistrados,
polícias ou funcionários judiciais; que não haja compadrios ou favoritismos nessas nomeações; que as despesas sejam homologadas pela OA e não pelos juízes; que só os Advogados possam prestar apoio judiciário (e não também estagiários ou mesmo funcionários judiciais como acontecia não há muito tempo).
Por outro lado, é necessário que no Conselho de Deontologia de Lisboa estejam pessoas que cumpram as funções para que se candidatam e não que as entreguem a outros Advogados para, remuneradamente, o fazerem e, sobretudo, pessoas que estejam mais empenhadas em exercerem as suas obrigações do que em fazer oposição ao Bastonário e ao Conselho Geral.
Advocatus
http://www.advocatus.pt Produzido em Joomla! Criado em: 29 November, 2010, 00:03
É também necessário que o supremo órgão jurisdicional da OA, o Conselho Superior, seja composto por pessoas que estejam mais empenhadas em exercerem o seu múnus jurisdicional do que em perseguir o Bastonário e em tentar exercer ilegalmente as suas competências, como aconteceu com o actual conselho Superior, metade do qual, aliás, se recandidata na lista promovida pelos Conselhos Distritais.
É imperioso que os vários órgãos eleitos não tentem usurpar as competências de outros órgãos e, sobretudo, não gastem mais do que as receitas que lhes são atribuídas pelo nosso Estatuto.
É preciso pôr cobro à espiral gastadora no CDL que, só nos mandatos dos Bastonários José Miguel Júdice e Rogério Alves (2002-2008), fez com que as despesas com remunerações dos seus funcionários crescessem 92%. De salientar que só nos dois primeiros anos do meu mandato o CDL gastou em vencimentos e honorários mais de 4.700.000,00 € (quatro milhões e setecentos mil euros).
As receitas da OA são divididas em partes iguais entre o Conselho Geral (que paga as despesas dos serviços centrais, bem como as do Conselho Superior e as de dez comissões e institutos) e os Conselhos Distritais (que suportam as despesas dos respectivos Conselhos de Deontologia e das Delegações da respectiva área geográfica). Por isso cada órgão da OA não pode gastar mais do que as receitas que o EOA lhe destina. As despesas ordinárias de cada órgão têm de ser cobertas com as respectivas receitas ordinárias e não com verbas que o EOA atribui a outros órgãos.
Temos de optar claramente entre sustar a espiral gastadora dos Conselhos Distritais, que só nos últimos cinco anos gastaram mais de 24.000.000,00 € (vinte e quatro milhões de euros) só com vencimentos e honorários, ou então continuar a alimentar esse despesismo, para o que seremos obrigados a aumentar as quotas e eliminar alguns dos benefícios proporcionados gratuitamente aos Advogados, tais como o seguro profissional e os certificados digitais, entre outros.
Por nós, já optámos claramente em sustar essa espiral gastadora e continuar com o processo de saneamento
financeiro da OA. Mas para tal precisamos do seu apoio.
Por tudo isso, venho apelar ao seu voto na lista C para Bastonário e Conselho Geral (que lidero) e também na Lista C para o CDL encabeçada pelo Dr. Jerónimo Martins. Apelo também ao seu voto na lista P para o Conselho Superior encabeçada pela Dra. Isabel Duarte e na Lista O para o Conselho de Deontologia de Lisboa, encabeçada pelo Dr. Mário Alcobia Oleiro.
É preciso eleger para os vários órgãos da OA pessoas que respeitem a vontade dos Advogados expressa em eleições democráticas.
Com as cordiais saudações do
Colega ao dispor
A. Marinho e Pinto

terça-feira, 16 de novembro de 2010

A fuga das galinhas - de Joana Amaral Dias



Um gestor vale mais do que quem salva vidas e cria (vários tipos) de riqueza como um médico ou um cientista?
Qual é o dom especial que possuem para que ganhem muito mais que todos os outros?

Não se sabe.

Mas essa ignorância não altera os rendimentos.

Mesmo que os resultados empresariais derivem de uma extensa cadeia. Mesmo que todas as empresas devam ter um papel social. Pois é.

Os nossos trabalhadores são dos mais mal pagos da Europa, mas os gestores são dos mais bem pagos.

Um gestor alemão recebe dez vezes mais que o trabalhador com o salário mais baixo na sua empresa.
O britânico 14. O português 32.

Mas, segundo um estudo da Mckinsey, Portugal tem dos piores gestores.

Logo, quando se fala em reduzir direitos e salários, a quem nos devemos referir?

Lógico? Não. Dizem que os bons gestores escasseiam e é necessário recompensá-los. Senão, fogem do país.

Ok. Então, é simples. Se são assim tão poucos, ide. Não serão significativos na crescente percentagem de fuga dos cérebros que estavam desempregados/explorados. Depois, contratem-se gestores alemães ou ingleses. Por lá, não rareia tanto a qualidade. Estão habituados a discutir não só ordenados mínimos como ordenados máximos. E sempre são mais baratinhos.

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Realizou-se nas instalações da Junta de Freguesia, sita na Rua de Marco Cabaço (na rua do Mercado) no passado dia 29 de Outubro de 2010, pelas 21h15m uma Sessão Extraordinária da AF, para apreciação, discussão e votação da Moção de Censura apresentada pelos eleitos do PSD (Partido Social Democrata).

A Moção foi rejeitada com os votos contra dos eleitos do PS, BE e CDS. A favor da Moção estiveram os eleitos da CDU e do PSD.

Eu fiz a seguinte declaração de voto:

" Sr. Presidente, colegas membros da Assembelia:

Independentemente de acreditarmos ou não na divindade de Jesus Cristo, o que ninguém põe em causa é a sua postura como homem justo.

Aceite este postulado, recordo que, qunado perguntado sobre a justeza da delapidação da mulher adúltera, Jesus Cristo deu uma resposta peremptória: "Aquele que nunca pecou que lhe atire a primeira pedra!".

Trago isto à colação a propósito da Moção de Censura agendada para esta Sessão Extraordinária por iniciativa dos eleitos do PSD. E trago-a porque creio que a posição do Bloco de Esquerda em relação à melindrosa questão em causa, parece ter ficado clara e frontalmente expressa na Declaração de Voto apresentada após a votação que aprovou as contas relativas a 2009.

Na verdade, recordo que, na generalidade e embora com muito menos palavras, a mencionada Declaração inclui as observações críticas contidas nos considerandos da moção apresentada pelo PSD.

Não obstante esta concordância, tenho também de recordar que, na parte final da dita Declaração, realcei o "pecado" da Assembleia de Freguesia, tanto no mandato anterior como no presente, por nunca ter exigido a apresentação do termo de Contagem de Valores de Tesouraria. (E a mim própria me incluo nos "pecadores").

Em conclusão: par aprovar uma Moção de Censura ao Executivo ou ao seu Presidente, teria de, em nome da justa coerência, de aprovar idêntica moção à Assembleia de Freguesia - figura que não existe no regimento.

ASssin senso, o Bloco de Esquerda (por mim representado) votará contra a Moção apresentada. "

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Faz hoje 1 ano que tomaram posse os eleitos da Charneca de Caparica



Faz hoje 1 ano que tomei posse como membro da Assembleia de Freguesia:
http://charnecabloco.blogspot.com/2009/11/tomada-de-posse-dos-orgaos-autarquicos.html
em breve apresentarei o balanço do trabalho efectuado.

Stress Pós-Guerra : hoje na Junta de Freguesia reunião de apoio e esclarecimento

Hoje pelas 21h nas instalações da Junta de Freguesia da Charneca de Caparica realiza-se uma sessão de esclarecimento a vítimas do stress pós-guerra (ex-militares, familiares e amigos).

Almada representada ao mais alto nível

Desporto


Com apenas 15 anos Miguel Oliveira, piloto da Charneca de Caparica, vai participar no Campeonato do Mundo de Motociclismo.Com apenas 15 anos, Miguel Oliveira confirmou que vai participar, já em 2011, no Campeonato do Mundo de Motociclismo, categoria de 125cc.

O piloto da Charneca de Caparica tem duas hipóteses em aberto: pode manter-se com a Andalucía Cajasol, equipa que representa no Campeonato Espanhol de Velocidade (CEV) e que alinha no Mundial, ou alinhar pelo Team Aspar, tradicionalmente uma das formações mais fortes da categoria.

Ser o primeiro português a participar, de forma regular, no Mundial de Motociclismo deixa Miguel Oliveira bastante satisfeito, uma vez que é “o alcançar de um dos objectivos traçados no início da carreira”.

Outubro foi um mês com excelentes recordações para o jovem piloto almadense, com a conquista do vice-campeonato da Europa, no circuito de Albacete (Espanha).

Ainda no país vizinho, Miguel Oliveira ocupa a 3ª posição (12 pontos de atraso para o líder) no competitivo CEV, quando faltam apenas disputar duas corridas para o final da temporada.

04/11/2010

http://www.m-almada.pt/xportal/xmain?xpid=cmav2&xpgid=noticias_detalhe&noticia_detalhe_qry=BOUI=41256833&noticia_titulo_qry=BOUI=41256833

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

PROJECTO DE LEI N.º 436/XI/2ª ESTABELECE O PROCESSO DE ORÇAMENTAÇÃO DE BASE ZERO PARA O ANO DE 2012

Orçamento de Base Zero (OBZ), baseia‐se na obrigação de cada serviço do Estado definir e justificar a sua proposta de orçamento em função de actividades previstas para o ano seguinte, sem se basear no orçamento do ano anterior ou corrente.

Assim, evita‐se o vício de um orçamento incremental, que tem sido a forma de preparar a distribuição da despesa, e que favorece a ineficiência: nenhum serviço corta no desperdício porque os serviços mais ineficientes negoceiam a sua dotação orçamental seguinte a partir da maximização do gasto no ano anterior.

Deste modo, há em muitos serviços uma corrida à despesa inútil no final de cada ano, para evitar que o orçamento seguinte seja mais baixo. Ora, este despesismo, que é muitas vezes evidente, como aconteceu recentemente com a divulgação do plano de aquisição de viaturas de uma empresa pública, representa má gestão e ataca profundamente a credibilidade do Estado como utilizador dos recursos públicos.



ler aqui o Projecto de Lei: http://beparlamento.esquerda.net/media/BaseZero.pdf

Sessão Extraordiária da Assembleia de Freguesia da Charneca de Caparica

Relembro que é já amanhã!!!




Efectuar-se-à nas instalações da Junta de Freguesia, sita na Rua de Marco Cabaço (na rua do Mercado) no dia 29 de Outubro de 2010, pelas 21h15m uma Sessão Extraordinária da AF, com a seguinte Ordem de Trabalhos:
- Apreciação, discussão e votação da Moção de Censura apresentada pelos eleitos do PSD (Partido Social Democrata).

Participa!

domingo, 17 de outubro de 2010

Nova partícula atómica

Depois do átomo e da descoberta do neutrão, do protão, do fotão, do electrão, do quark, do fermião, do busão e do gluão, José Sócrates Pinto de Sousa acaba de descobrir o Pelintrão, um corpo sem massa nem energia, que suporta toda a carga.


Com esta descoberta, Portugal será, para o próximo ano, um... forte candidato ao Prémio Nobel em Física.
 
 

Afinal podia ser diferente...




A Associação Francesa de Economia Política lançou um “manifesto dos economistas aterrorizados”, um excelente documento de análise e de proposta para sairmos da crise europeia causada pelo neoliberalismo. Graças à generosidade do Nuno Serra, temos agora uma tradução portuguesa. Para abrir o apetite, deixo um excerto. Para lerem o manifesto na íntegra é só optar pelo “continue a ler”.
“A lógica neoliberal é sempre a única que se reconhece como legítima, apesar dos seus evidentes fracassos. Fundada na hipótese da eficiência dos mercados financeiros, preconiza a redução da despesa pública, a privatização dos serviços públicos, a flexibilização do mercado de trabalho, a liberalização do comércio, dos serviços financeiros e dos mercados de capital, por forma a aumentar a concorrência em todos os domínios e em toda a parte…
Enquanto economistas, aterroriza-nos constatar que estas políticas continuam a estar na ordem do dia e que os seus fundamentos teóricos não sejam postos em causa. Mas os factos trataram de questionar os argumentos utilizados desde há trinta anos para orientar as opções das políticas económicas europeias. A crise pôs a nu o carácter dogmático e infundado da maioria das supostas evidências, repetidas até à saciedade por aqueles que decidem e pelos seus conselheiros. Quer se trate da eficiência e da racionalidade dos mercados financeiros, da necessidade de cortar nas despesas para reduzir a dívida pública, quer se trate de reforçar o “pacto de estabilidade”, é imperioso questionar estas falsas evidências e mostrar a pluralidade de opções possíveis em matéria de política económica. Outras escolhas são possíveis e desejáveis, com a condição de libertar, desde já, o garrote imposto pela indústria financeira às políticas públicas.”

Sócrates no seu melhor....

Sócrates vs Sócrates

600 mil idosos com fome ou mal alimentados

30,7% dos mais velhos têm baixo peso e são poucos os que tomam suplementos.

Maria (nome fictício) tem 81 anos e vive sozinha. Sem família para a ajudar, a reforma que recebe não chega para poder comprar os suplementos alimentares de que precisa para compensar o que não come. Sofre de desnutrição. Tem 1,60 m e pesa apenas 48 quilos, quando devia ter 63. Além do impacto destas carências na sua qualidade de vida, corre ainda riscos acrescidos de saúde. Cerca de 600 mil idosos em Portugal estão abaixo do peso que deviam ter, revela um estudo que é apresentado hoje, Dia Mundial da Alimentação.

in http://dn.sapo.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=1687519

 

Sessão Extraordinária da Assembleia de Freguesia dia 29 de Outubro

Efectuar-se-à nas instalações da Junta de Freguesia, sita na Rua de Marco Cabaço (na rua do Mercado) no dia 29 de Outubro de 2010, pelas 21h15m uma Sessão Extraordinária da AF, com a seguinte Ordem de Trabalhos:
- Apreciação, discussão e votação da Moção de Censura apresentada pelos eleitos do PSD (Partido Social Democrata).

Participa!

sábado, 16 de outubro de 2010

Última reunião da Sessão Ordinária da Assembleia de Freguesia (realizada em 13 de Outubro de 2010)

OT:
1-Periodo da Ordem do Dia
1.1- Apreciação da informação do Presidente da Junta de Freguesia referente ao período de Junho, Julho e Agosto de 2010 e da situação financeira da Freguesia.
1.2 – Apreciação, discussão e votação do Relatório de Actividades e Conta de Gerência respeitante ao ano económico de 2009. (documento oportunamente entregue).
 
No início do ponto 1.2 a eleita do BE propôs um voto de louvor ao cidadão António Anastácio pelo exaustivo trabalho (gratuito) de verificação de todos os lançamentos contabilisticos efectuados de 2007 a 2009. O Voto de Louvor foi aprovado com 6 votos contra (CDU e PSD), 1 abstenção (CDS) e 6 votos a favor (PS e BE). Foi aprovado com o voto de qualidade do Presidente da Assembleia.

Passou-se à discussão do Relatório e Contas de 2009 e à votação.
Resultado da votação: aprovado com 6 votos contra (CDU e PSD), 1 abstenção (CDS) e 6 votos a favor (PS e BE). Foi aprovado com o voto de qualidade do Presidente da Assembleia.

Após a votação, o BE fez a seguinte Declaração de Voto:

"Votei se hesitação pela aprovação da Conta de Gerência de 2009 porque considero rigorosamente demonstrado o montante da diferença entre o saldo contabilístico e a real existência de valores de Tesouraria.

Mas não consigo calar a minha total e frontal desaprovação pelo facto de durante 3 anos (de 2007 a 2009) o anterior Executivo (que integrava quase todos os elementos do actual) não ter exercido o eficaz controlo dos movimentos financeiros da Junta, em desrespeito pelas obrigações legais pertinentes.

Quase que oiço um clamor de protesto por esta desaprovação, com o argumento de que aquilo que não foi feito se deveu a ignorância, e não a laxismo dos membros do dito Executivo. Repudio o protesto, recordando que, por um lado, "a ignorância da Lei não desculpa o delito" e, por outro bem mais objectivo, os eleitos não devem ignorar os seus deveres, sob pena de desmerecerem a eleição.

Finalmente, e por muito que me custe aceitar a parte que a mim própria cabe, não posso deixar de realçar o facto de também a Assembleia de Freguesia no mandato anterior nunca ter exigido a apresentação do Termo de Contagem de Valores da Tesouraria, culpa que também a nós, actuais eleitos, é extensível em relação às contas apresentadas em Abril do corrente ano."

terça-feira, 12 de outubro de 2010

O "terceiro eixo": a democracia local

Estamos acostumados a que a intervenção do cidadão sobre a transformação social se dêatravés de dois eixos fundamentais: o eixo político-partidário e o eixo sindical-trabalhista.

O primeiro tem como instrumento central a eleição de representantes, e como palco de luta o parlamento e as estruturas executivas do Governo. O segundo, utiliza o instrumento que constitui a negociação empresarial e a greve, e tem como palco a empresa, visando a apropriação mais equilibrada do produto social.

Penetrou muito pouco ainda na nossa consciência a importância de um terceiro eixo que surge com força, que tem como instrumento a organização comunitária, e como espaço de acção o bairro, o município, o chamado "espaço local", ou "espaço de vida".

De certa forma, o cidadão que vive num bairro que não lhe agrada, pensa em mudar de bairro, ou de cidade, mas não pensa muito na sua possibilidade e direito de intervir sobre o seu espaço de vida, de participar na criação de uma qualidade de vida melhor para si e para a sua familia. (Ladislau Dowbor)

Assembleia de Freguesia da Charneca de Caparica reúne dia 13 de Outubro

A próxima reunião da Assembleia de Freguesia da Charneca de Caparica terá lugar nas instalações da Junta, que ficam ao lado dos Correios e próximas do Mercado.

Participa! 21h15m contamos contigo.

domingo, 3 de outubro de 2010

Sessão solene comemorativa dos 25 anos da Freguesia da Charneca de Caparica

Amanhã, dia 4 de Outubro, pelas 21h, no Auditório da Junta, realiza-se a Sessão Solene Comemorativa dos 25 anos da Freguesia.

sábado, 2 de outubro de 2010

10 estratégias de manipulação, por Noam Chomsky


1. A ESTRATÉGIA DA DISTRAÇÃO

O elemento primordial do controle social é a estratégia da distração que consiste em desviar a atenção do público dos problemas importantes e das mudanças decididas pelas elites políticas e econômicas, mediante a técnica do dilúvio ou inundações de contínuas distrações e de informações insignificantes.

A estratégia da distração é igualmente indispensável para impedir ao público de interessar-se pelos conhecimentos essenciais, na área da ciência, da economia, da psicologia, da neurobiologia e da cibernética.“Manter a atenção do público distraída, longe dos verdadeiros problemas sociais, cativada por temas sem importância real. Manter o público ocupado, ocupado, ocupado, sem nenhum tempo para pensar; de volta à granja como os outros animais” (citação do texto “Armas silenciosas para guerras tranqüilas”.)

2. CRIAR PROBLEMAS, DEPOIS OFERECER SOLUÇÕES

Este método também é chamado “problema-reação-solução”. Se cria um problema, uma “situação” prevista para causar uma certa reação no público, a fim de que este seja o mandante das medidas que se deseja fazer aceitar. Por exemplo: deixar que se desenvolva ou se intensifique a violência urbana, ou organizar atentados sangrentos, a fim de que o público seja o mandante de leis de segurança e políticas em prejuízo da liberdade. Ou também: criar uma crise econômica para fazer aceitar como um mal necessário o retrocesso dos direitos sociais e o desmantelamento dos serviços públicos.

3. A ESTRATÉGIA DA DEGRADAÇÃO

Para fazer com que se aceite uma medida inaceitável, é suficiente aplicar progressivamente, em “degradado”, sobre uma duração de 10 anos. É dessa maneira que condições socioeconômicas radicalmente novas tem sido impostas durante os anos de 1980 a 1990. Desemprego em massa, precariedade, flexibilidade, reassentamentos, salários que já não asseguram ingressos decentes, tantas mudanças que haviam provocado uma revolução se tivessem sido aplicadas de forma brusca.

4. A ESTRATÉGIA DO DEFERIDO

Uma outra maneira de se fazer aceitar uma decisão impopular é a de apresentá-la como sendo “dolorosa e necessária”, obtendo a aceitação pública no momento para uma aplicação futura. É mais fácil aceitar um sacrifício futuro do que um sacrifício imediato. Primeiro, por que o esforço não é empregado imediatamente. Em seguida, por que o público, a massa, tem sempre a tendência a esperar ingenuamente que “tudo irá melhorar amanhã” e que o sacrifício exigido poderá ser evitado. Em fim, isto dá mais tempo ao público pata acostumar-se com a idéia de mudança e de aceitá-la com resignação quando chegue o momento.

Um exemplo recente: a passagem para o Euro e a perca da soberania monetária e econômica tem sido aceitos pelos países Europeus em 1994-1995 para uma aplicação em 2001. Outro exemplo: os acordos multilaterais da ALCA (o FTAA) que os Estados Unidos tem imposto desde 2001 aos países de todo o continente americano (Central e Sul da América) apesar de suas reticências, concedendo uma aplicação e vigência diferida para 2005.

5. DIRIGIR-SE AO PÚBLICO COMO CRIANÇAS DE BAIXA IDADE

A maioria da publicidade dirigida ao grande público utiliza um discurso, argumentos, personagens e uma entonação particularmente infantil, muitas vezes próximos à debilidade, como se o espectador fosse um menino de baixa idade ou um deficiente mental. Quanto mais se intente buscar enganar ao espectador, mais se tende a adotar um tom infantilizante.

Por que?

“Se se dirige a uma pessoa como se tivesse a idade de 12 anos então, em razão da sugestionabilidade, ela tenderá, com certa probabilidade, uma resposta ou reação também desprovida de um sentido critico como a de uma pessoa de 12 anos de idade”. (ver “armas silenciosas para guerras tranqüilas”)

6. UTILIZAR O ASPECTO EMOCIONAL MUITO MAIS DO QUE A REFLEXÃO

Fazer uso do aspecto emocional é uma técnica clássica para causar um curto circuito na análise racional, e por fim ao sentido critico dos indivíduos. Além do mais, a utilização do registro emocional permite abrir a porta de acesso ao inconsciente para implantar ou enxertar idéias, desejos, medos e temores, compulsões, ou induzir comportamentos…

7. MANTER O PÚBLICO NA IGNORÂNCIA E NA MEDIOCRIDADE

Fazer como que se o público seja incapaz de compreender as tecnologias e os métodos utilizados para seu controle e sua escravidão.

“A qualidade da educação dada as classes sociais inferiores deve ser a mais pobre e medíocre o possível, de forma que a distância da ignorância que paira entre as classes inferiores às classes sociais superiores seja e permaneça impossíveis para o alcance das classes inferiores” (ver “armas silenciosas para guerras tranqüilas”)

8. Promover ao público a ser complacente na mediocridade

Promover ao público a achar “cool” pelo fato de ser estúpido, vulgar e inculto…

9. REFORÇAR A REVOLTA PELA CULPABILIDADE

Fazer o individuo acreditar que é somente ele o culpado pela sua própria desgraça, por causa da insuficiência de sua inteligência, de suas capacidades, ou de seus esforços. Assim, ao invés de rebelar-se contra o sistema econômico, o individuo auto-desvalida-se e culpa-se, o que gera um estado depressivo do qual um dos seus efeitos é a inibição da sua ação. E sem ação, não há revolução!…

10. CONHECER MELHOR OS INDIVÍDUOS DO QUE ELES MESMOS SE CONHECEM

No transcorrer dos últimos 50 anos, os avanços acelerados da ciência tem gerado uma crescente brecha entre os conhecimentos do público e aquelas possuídas e utilizadas pelas elites dominantes. Graças a biologia, a neurobiologia e a psicologia aplicada, o “sistema” tem desfrutado de um conhecimento avançado do ser humano, tanto de forma física como psicologicamente. O sistema tem conseguido conhecer melhor o individuo comum do que ele mesmo conhece a si mesmo. Isto significa que na maioria dos casos, o sistema exerce um controle maior e um grande poder sobre os indivíduos do que os indivíduos a si mesmos.

sábado, 25 de setembro de 2010

Sessão Ordinária de Setembro da Assembleia de Freguesia da Charneca de Caparica

Realiza-se no próximo dia 30 de Setembro a Assembleia de Freguesia, pelas21h15m nas instalações da Junta de Freguesia, sitas na Rua Marco Cabaço, com a seguinte Ordem de Trabalhos:
1- Período de intervenção dos Cidadãos
2- Período Antes da Ordem do Dia
3- Período da Ordem do Dia
3.1 - Apreciação da informação do Presidente da JF referente ao período de Junho, Julho e Agosto de 2010 e da situação financeira da Freguesia.
3.2. - Apreciação, discussão e votação do Relatório de Actividades e Conta de Gerência respeitante ao ano económico de 2009 (documento oportunamente entregue).

Apelo à participação dos fregueses !

Sessão Ordinária da Assembleia Municipal

Sessão Ordinária da Assembleia Municipal realiza-se nos próximos dias 28 e 29 de Setembro
brevemente colocarei a Ordem de Trabalhos e o local  das reuniões que desta vez será na Freguesia do Feijó

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Tomada de posse na Assembleia Municipal de Almada

Informo os fregueses da Charneca de Caparica de que no próximo dia 28 de Setembro tomarei posse como membro da Assembleia Municipal de Almada pelo BE, pelo que estarei ao dispor, também através deste blogue, para temas relacionados.

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Fecho da golada do Tejo

Há já algum tempo que acompanhei um debate promovido pela Sociedade de Geografia e pela Academia de Marinha sobre o porto de Lisboa, entendido como o porto do estuário do Tejo e não unicamente da cidade de Lisboa. Em particular, deu-se uma grande atenção ao problema do “fecho da golada” , de uma importância imensa para a região de Lisboa e Almada.

Deixo aqui o desafio para aqueles que forem mais sensíveis ao tema, para comentarem e opinarem. ok?

Aqui vos deixo alguns links para reflexão:

fecho da golada do Tejo, obra considerada fundamental:  http://www.transportesemrevista.com/Default.aspx?tabid=210&language=pt-PT&id=1724


António Brotas, da secção de Transportes da Sociedade de Geografia, defendeu que o fecho da golada permitiria criar uma estrutura portuária na Trafaria, evitando o custo da ampliação do Porto de Lisboa.
O projecto do fecho da golada deveria ser um PIN (Projecto de Interesse Nacional) : http://ecosfera.publico.pt/noticia.aspx?id=1388364

A alimentação artificial das praias não resolve o problema de forma permanente, disse José Cerejeira

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Engº Bernardes-Silva é hoje operado a fractura do fémur

O nosso companheiro Bernardes-Silva é hoje à tarde operado no Hospital Garcia de Orta após ter sido vítima de atropelamento com fractura do fémur.




Desejamos-lhe que a operação corra bem e que comece a andar quanto antes!

Socialismo 2010

Aproxima-se o fim-de-semana do SOCIALISMO2010


DEBATES PARA A ALTERNATIVA

27 a 29 de Agosto de 2010

Braga – Escola Secundária Sá de Miranda

ENTRADA LIVRE - INSCREVE-TE


INSCRIÇÕES - CREDENCIAÇÃO

Data limite para inscrição - 23 de Agosto. Após essa data não podemos garantir alojamento, transportes e alimentação.

A ficha de inscrição está disponível no fim desta mensagem e podes enviá-la respondendo para o endereço socialismo2010@bloco.org com os dados inseridos.

Credenciação a partir das 19 horas de dia 27 de Agosto. Não garantimos o acesso à escola após o horário das actividades para quem não se credenciou.





PROGRAMA SOCIALISMO2010

Descarrega o programa em pdf aqui: http://www.bloco.org/images/stories/noticias/agosto10/programasoc2010.pdf



LOCALIZAÇÃO:

O mapa da Escola está aqui: http://maps.google.com/maps/ms?ie=UTF8&hl=pt-BR&msa=0&msid=116782521166956328113.000488ef914ed13f77ba9&ll=41.552045,-8.426685&spn=0.015673,0.042014&t=h&z=15

Rua Dr. Domingos Soares, Braga

ALOJAMENTO GRATUITO:

Será disponibilizado alojamento gratuito no ginásio da escola. Inscrições para socialismo2010@bloco.org.

Se quiseres dormir no ginásio deves inscrever-te e confirmar a tua inscrição na banca aquando da credenciação. É necessário levar saco cama e colchão. Existem wc’s com duches com água quente no ginásio.

A partir das 23h o portão da escola estará fechado e apenas abrirá de 30 em 30 minutos até às 3h. Haverá um responsável pelo ginásio se necessitares de algum esclarecimento.


TRANSPORTE DIRECTO:

Lisboa e Coimbra para Braga

Partida de Lisboa dia 27 - 17h30, Alameda D. Afonso Henriques, junto ao Instituto Técnico.

Passagem por Coimbra dia 27 por volta das 19h30, Praça da República

Contribuição de 5€ por pessoa. Redução especial para estudantes e desempregados conforme disponibilidade.

Neste momento não recebemos inscrições que justifiquem a organização de transportes de outros locais.


ALIMENTAÇÃO:

Haverá refeições omnívoras e vegetarianas dias 27(jantar), 28 (almoço e jantar) e 29 (almoço).

Preço por refeição - 5€.

Os inscritos e credenciados serão servidos primeiro durante a primeira meia hora.

Não garantimos refeição para os não inscritos.

domingo, 1 de agosto de 2010

BE nas Festas Populares do Monte de Caparica

Terminam hoje as festas populares da Freguesia do Monte de Caparica.
O BE marca a sua presença nas festas populares.
Hoje vem ganhar uma vuvuzela no jogo popular "fazer pontaria" derrubando as latas contra o PEC.
Encontras a bancada do BE no stand que fica situado junto ao palco. Aparece! E aproveita para fazeres a tua aderência ao BE Almada.

Pelos 100 anos de vida associativa o Clube Recreativo Charnequense recebeu Medalha de Ouro

terça-feira, 20 de julho de 2010

Festas populares da Charneca de Caparica decorreram de 8 a 17 de Julho

Findaram no passado domingo as Festas Populares da Charneca de Caparica


saiba mais sobre a história das festas populares da Charneca em : http://ideotario.blogspot.com/2007/07/festas-populares.html

GNR ganha nova casa na Costa e na Charneca

O ministro da Administração Interna presidiu, terça-feira, à cerimónia de inauguração das novas instalações do posto territorial da GNR na Costa de Caparica e do destacamento territorial de Almada, na Charneca de Caparica. Dois novos equipamentos que representam um investimento de dois milhões e quinhentos mil euros.


ler mais em http://www.imais.pt/content/gnr-ganha-nova-casa-na-costa-e-na-charneca005

“PSD põe em causa o essencial do regime democrático”

Líder parlamentar do Bloco de Esquerda acusa a proposta de revisão constitucional do PSD de descaracterizar completamente a democracia. Socialista António Arnaut diz que o anteprojecto “é uma tentativa de golpe de estado”.


ler mais em  http://www.esquerda.net/artigo/“psd-põe-em-causa-o-essencial-do-regime-democrático”

quarta-feira, 7 de julho de 2010

Adere ao Bloco, vamos juntar forças!

http://www.bloco.org/index.php?option=com_mosforms&Itemid=43

No próximo domingo de manhã (10h-12h) estaremos presentes no largo do InterMarché em Vale Figueira/Sobreda para distribuir o Jornal do Bloco bem como para fazer uma campanha de aderências ao BE. Aparece!

Uma dica...

A Fraude Inocente
[Autor: John Kenneth Galbraith ]

Em A Fraude Inocente, John Kenneth Galbraith revela como aumentou exponencialmente a distância entre a percepção e a realidade no sistema económico norte-americano de hoje. Galbraith defende que o papel dominante da empresa na sociedade moderna é um exemplo gritante de «fraude inocente», como demonstra o poder crescente dos gestores sobre o dos accionistas e consumidores. Estaremos a caminhar para um mundo em que o sector público é inevitavelmente controlado pelo privado? Com base na sua vastíssima experiência, John Kenneth Galbraith apresenta, ao longo das páginas deste livro, uma crítica ao mercado liberal tal como ele funciona nos nossos dias....

ISBN: 9789727117390
Editora: Gestãoplus
Colecção: Colecção «Ábaco»
Mais informação: Última Edição: 2006
Nr. de páginas: 96
Dimensões: 14 × 21

Detidos oito suspeitos após buscas no Monte de Caparica

A GNR fez hoje de manhã 28 buscas no Bairro Branco e no Bairro do Asilo, no Monte de Caparica. Foram detidos oito suspeitos entre os 18 e 26 anos, apenas três serão presentes a um juiz amanhã por suspeita de tráfico de droga e receptação de material furtado.


Foram apreendidos quase seis mil euros em dinheiro, cerca de um quilo de heroína, cocaína e liamba, dois quilos de produto de corte, LCD’s, playstations e telemóveis que se supõe terem sido receptados, três facas, uma soqueira, três pistolas adaptadas, três réplicas de armas de fogo e 78 munições.


Recorde-se que este fim-de-semana a GNR foi recebida à pedrada e com bombas caseiras quando tentava por termo a desacatos ocorridos na rua.

in Diário de Notícias

Utentes da ponte 25 de Abril processam Estado português


Económico com Lusa
07/07/10 13:18




Uma associação de utentes da ponte 25 de Abril anunciou hoje que vai apresentar uma queixa contra o Estado português no Tribunal Europeu contra o pagamento de portagem.





Numa nota, a Associação Democrática de Utentes da Ponte 25 de Abril (ADUP) realça que na base desta queixa está o facto de "a Ponte 25 de Abril não ter alternativa", pelo que "o pagamento de portagem desrespeita a garantia que o Estado português deve assegurar aos seus cidadãos de circularem livremente de e para qualquer ponto do território nacional, sem que isso dependa da sua capacidade económica".
A associação realça que, como evidenciou o ex-bispo de Setúbal, D. Manuel Martins, "a ponte 25 de Abril é utilizada pela população mais pobre do país".
Por isso, realçam que, em comparação com a polémica à volta das SCUTS (vias sem custos para o utilizador), "impõe-se por maioria de razões a abolição de portagem na ponte 25 de abril, pondo-se fim à cidadania de segunda a que o povo da margem sul tem sido remetido".
Lembrando que, já na altura do aparecimento das SCUT, a ADUP se manifestou contra a possibilidade de estas novas estradas "sacarem dinheiro aos portugueses, a associação refere que pretende ainda "dinamizar junto dos autarcas e comissões de utentes a Frente Nacional Contra portagens" e promover ações de luta contra a portagem da ponte.